Mude de vida em pouco tempo: deixe de ser passageiro e assuma o lugar de piloto

Mudar de vida é o objetivo de muitos, mas são poucos os que conseguem assumir o papel de piloto e tomar decisões definitivas.

Quantas pessoas vivem sendo jogadas de um lado para outro? Quantas pessoas já abandonaram suas metas e objetivos traçados, de tanto planejar e se frustrar? Quantas pessoas estão vivendo como passageiras da própria vida?

Eu e você sabemos que a resposta para essas perguntas são um número bastante considerável de pessoas que vivem nessa situação; não só aqui no Brasil, mas também em várias outras partes do mundo.

Na verdade, são bem poucas as pessoas que assumiram o papel de piloto da própria vida, para conquistarem de fato o que muitos chamam de vida épica.

O meu objetivo aqui é mostrar para quem quer modificar a vida positivamente, que existe um caminho que leva a conquista de resultados extraordinários.

É fato que a maioria das pessoas não estão acostumadas a planejar e nem executar ações transformadoras, e por isso nunca conseguem o que sonham.

Ou então, como mencionei no início do texto, existem aquelas pessoas que planejam e dão início ao processo… Entretanto, quando surgem dificuldades e obstáculos, não são capazes de manter a consistência, e acabam permitindo que crenças sabotadoras dominem suas decisões.

É neste momento que algumas pessoas abandonam o papel de piloto, para se tornarem passageiras da própria vida.

Viver a vida como passageiro é deixar que as circunstâncias e os acontecimentos determinem o seu destino.

Vejo muitas pessoas culpando a crise, o governo, a família, o chefe, a esposa, o marido, os pais, o universo e até mesmo Deus, pelas suas falhas. Pessoas que pensam e agem assim nunca irão mudar, enquanto mantiverem esse tipo de mentalidade.

Ter autorresponsabilidade e tomar consciência de que são elas as responsáveis pelos seus resultados, sejam eles positivos ou negativos, é o primeiro passo.

Sem essa mudança de atitude mental e comportamental, nada, absolutamente nada irá mudar.

A dor da frustração, estresse, raiva, vitimização, solidão, tristeza ou outros pensamentos tóxicos, irá perseguir a pessoa até que ela decida dar um “basta” e começar a criar metas e objetivos atraentes para si mesma, para assumir definitivamente o comando.

Comece planejando a mudança

Planejar a mudança de vida em pouco tempo não é algo complexo. Inicialmente, devemos ser honestos com nós mesmos e saber exatamente qual é o nosso estado atual, isto é, devemos ter consciência dos resultados que estamos obtendo neste exato momento, em cada uma das áreas da vida.

Sem essa conscientização do estado atual, não haverá como definir o estado desejado (objetivo futuro).

Por exemplo, algumas pessoas têm um corpo fenomenal, mas suas finanças estão totalmente descontroladas; já outras, podem estar com a vida financeira em dia, mas a área dos relacionamentos está implorando por mudanças.

Podemos estar indo muito bem em uma área e termos enormes dificuldades em outras. O fato é que mais cedo ou mais tarde, a área que se encontra em dificuldade poderá prejudicar a outra, que pode estar em constante crescimento.

Tudo isso pode ser evitado, a partir do momento que assumimos o comando da vida, planejando e agindo de acordo com as nossas próprias expectativas, sem ficarmos a mercê dos acontecimentos. Essa seria a definição mais próxima de ter controle da própria vida!

Lembre-se de que a nossa vida é composta por várias áreas, conforme é mostrado abaixo:

  • Emocional
  • Mental
  • Financeira
  • Física
  • Relacionamentos
  • Espiritual
  • Profissional
  • Intelectual
  • Conjugal

Quais dessas áreas você deseja melhorar urgentemente? Pare por um momento para pensar e responder…

Algumas pessoas querem melhorar a área financeira: sair de dívidas, controlar seus gastos ou conquistar a independência financeira.

Outras, querem melhorar o corpo físico: emagrecer para ficar mais atraente, ganhar músculos ou ter mais energia e disposição.

Existem também pessoas que querem começar um relacionamento, montar o negócio próprio, mudar de carreira ou profissão, passar em um concurso público, controlar melhor as emoções, ler mais ou mudar hábitos negativos.

Imagino que neste momento você já deva ter identificado qual área da sua vida necessita melhoria, certo?

Então vamos continuar…

Veja quais ações que você poderá tomar para assumir o papel de piloto da própria vida:

  • Planeje como você irá alcançar os seus objetivos para cada área da vida que decidiu melhorar.
  • Concentre-se em instalar um novo hábito dentro de um período de trinta dias.
  • Busque alimentar sua mente todos os dias, com um conteúdo inspirador através de livros, vídeos ou áudios.
  • Comprometa-se com o seu resultado publicamente se for preciso (veja o meu exemplo no desafio dos 365 vídeos diários).
  • Foque nas atividades que irão gerar 80% dos seus resultados.
  • A cada passo alcançado, comemore; isso vai condicionar você mesmo a continuar repetindo o comportamento vencedor.
  • Faça com que cada resultado indesejado se transforme em um degrau para o seu progresso, seja ele pessoal ou profissional.

Pilotar a própria vida é muito melhor do que ser passageiro

mude-de-vida

Grande parte dos problemas que eu mencionei neste texto, aconteceu com uma pessoa que tem buscado uma evolução pessoal e profissional constante. Esse cara deixou de ser funcionário padrão com apenas 19 anos.

Ele decidiu pilotar a própria vida, assumindo muitas vezes riscos que nem sempre foram calculados. Para você ter uma ideia, hoje ele tem um canal no YouTube, dois livros publicados eletronicamente e um site que fala sobre produtividade e alta performance.

Esse cara tem me surpreendido a cada dia, pois seu compromisso é alcançar resultados extraordinários em praticamente todas as áreas humanas. De vez em quando ele tropeça aqui e ali, e de alguma forma encontra forças para levantar rapidamente.

Segundo ele, a base que tem o ajudado a superar barreiras e dificuldades, foi sua formação como artista marcial. O taekwondo foi responsável por moldar sua mentalidade produtividade e persistente.

Sua história tem inspirado milhares de pessoas a causar o mesmo tipo de transformação que a dele.

O nome dessa pessoa é Luiz Felipe Carvalho (sim, é ele mesmo). A boa notícia é que ele tem ensinado diversas pessoas a seguirem o mesmo caminho que o dele.

Decida assumir o comando hoje mesmo

Eu já mencionei aqui diversas vezes, que para assumir o papel de piloto da própria vida, primeiro tem que deixar de ser passageiro. Se você quer ter progresso em qualquer área, tem que traçar um plano e executá-lo com consistência.

Acreditar que as coisas irão mudar por si só sem fazer nada a respeito, é garantir a própria frustração. Não é à toa que vemos uma quantidade absurda de pessoas frustradas e sem expectativas de uma vida melhor no futuro.

Quem traça metas e objetivos, e entra em ação, alcança os sonhos e uma vida plena. Minha recomendação para você é: escolha este caminho!

Seja piloto da própria vida, avaliando e decidindo aquilo que é mais importante para você e as pessoas que lhe são importantes.

O Luiz gravou um vídeo explicando como ele mesmo fez essa mudança, utilizando um método de ação para conquistar resultados desejados.

Convido você para assistir ao vídeo onde o Luiz mostra como você também pode produzir de três a sete vezes mais, com controle emocional e sem que você necessite de mais tempo extra.

Assista ao vídeo clicando no link abaixo:

Como pessoas comuns estão alcançando resultados extraordinários produzindo de 3 a 7 vezes mais e sem precisar de tempo extra

  • Oi, Luiz. Um dos pontos que você frisou e que julgo ser o mais importante é a parte do planejamento. Ele é essencial para que as metas possam sair do papel e finalmente criem forma no mundo real. Entretanto, é sempre bom lembrar, que não se pode perder muito tempo nessa parte. Gastar tempo demais no planejamento e tempo de menos na ação atrapalha demais a conquista de qualquer objetivo.

    Como sempre, um ótimo artigo.
    Grande abraço.

  • Oi, Luiz. Um dos pontos que você frisou e que julgo ser o mais importante é a parte do planejamento. Ele é essencial para que as metas possam sair do papel e finalmente criem forma no mundo real. Entretanto, é sempre bom lembrar, que não se pode perder muito tempo nessa parte. Gastar tempo demais no planejamento e tempo de menos na ação atrapalha demais a conquista de qualquer objetivo.

    Como sempre, um ótimo artigo.
    Grande abraço.

    • Olá Áquila.
      Obrigado pelo comentário.
      É verdade! Quanto mais rápido agir, mais cedo se chega aos objetivos.
      Abraços!