Programação Neurolinguística: a diferença entre o sucesso e o fracasso

programacao-neurolinguistica-sucesso-fracassoAlgumas pessoas passam pelo grande problema de não saberem ao certo como alcançar seus objetivos pessoais ou profissionais, e a programação neurolinguística pode ser a resposta entre ser bem sucedido e fracassar miseravelmente.

Se você já tentou alcançar algum tipo de resultado no passado e falhou, gostaria que soubesse de não foi o único. Mesmo as pessoas que hoje admiramos ou nos inspiramos através dos seus feitos lendários, um dia elas também sentiram o amargo gosto do “fracasso” ou derrota temporária.

Embora muitas pessoas acreditem que só os gênios ou os afortunados têm o privilégio de terem algum tipo de sorte grande ou qualquer coisa do tipo, o fato é que existe uma sequência lógica e organizada de se executar ações físicas e mentais, que geram resultados específicos.

As pessoas que seguem a risca qualquer método que ofereça grandes chances de ser bem sucedido em alguma área da vida ou várias delas, são as colhem bons frutos. Este processo é bem parecido como uma receita de bolo.

Se seguirmos a sequência exata, acrescentando os ingredientes de acordo com que é recomendado, teremos um bolo delicioso. Se fizermos o contrário, ou acrescentar os ingredientes fora de ordem, o resultado do bolo não sairá de acordo com as nossas expectativas.

Na verdade, por mais complexo que possa parecer para algumas pessoas, seguir um modelo de pensamento e ações é absurdamente simples e sem grandes mistérios. Neste artigo você irá entender que é possível alcançar suas metas e objetivos com a programação neurolinguística.

Nunca pare de agir

Eu sei que pode parecer difícil e até impossível conseguir realizar nossos maiores sonhos, e confesso que até eu mesmo cheguei a duvidar disso algumas vezes no passado.

São tantos objetivos que queremos atingir como emagrecer, começar um negócio, conseguir a casa própria, passar em um concurso público, investir, ganhar mais dinheiro, controlar as emoções, vencer crenças limitantes, falar em público, encontrar a pessoa ideal, ter mais tempo livre para passar com as pessoas que amamos, aprender outro idioma, viajar pelo mundo, mudar de carreira ou profissão; você escolhe.

Muita gente ao tentar realizar algum tipo de resultado como citei acima, se depara com dificuldades ou com vários tipos de obstáculos, o que é bem natural. Pense comigo… Quando fixamos uma meta ou objetivo, o que fazemos na verdade é dizer a nós mesmos e ao mundo que merecemos mais do que estamos recebendo, não é verdade?

Porém, para que tudo isso venha se tornar real no mundo físico, precisamos organizar nossas crenças, pensamentos e ideias em nosso mundo interno, isto é, dentro da nossa mente. Tudo que vimos, ouvimos e sentimos está registrado em nosso cérebro. E nem tudo que está lá dentro apoia as nossas ações ou nos fortalece.

É possível que alguém ou alguma experiência ter marcado você no passado, e agora no presente, você sente que este “nó” o impede de usar seu potencial máximo para fazer com que aquilo que almeja se concretize. É justamente neste ponto que as ferramentas da PNL podem fazer uma grande diferença em sua vida.

Não existe fracasso e sim resultado

Uma das principais características da programação neurolinguística é a capacidade que ela nos oferece de criar um novo significado para os fracassos temporários. Na verdade, este conceito dentro da PNL é conhecido como reesignificação.

É fato que não podemos mudar os eventos do passado. Se perdemos dinheiro, fomos roubados, tivemos o nosso coração partido em mil pedaços por alguém, fomos reprovados em uma prova importante, fracassamos nos negócios, fizemos escolhas financeiras erradas, qualquer coisa que tenha nos impactado profundamente, nada disso pode mudar.

Entretanto, o que podemos mudar é o significado desses eventos. Nós temos a incrível capacidade de reesignificar os acontecimentos que rotulamos de “negativos”, aprendendo, ensinando e crescendo com cada experiência que a vida nos oferece. Muitas das nossas piores experiências, talvez tenham sido as melhores e as mais ricas.

Pense nisso por um instante… Thomas Edison se tornou um gênio da invenção devido a sua capacidade de reeisignifcar os seus fracassos temporários. Quantas pessoas suportariam fracassar mais de 9.999 vezes, antes de descobrir uma nova maneira de fazer a lâmpada elétrica funcionar? Pouquíssimas pessoas.

Ou então, quantas pessoas seriam capazes de quebrar nos negócios duas vezes, perder a casa, perder nas eleições por cinco vezes, sofrer a perda da namorada, ter um colapso nervoso, aguentar tudo isso até os 36 anos?

Abraham Lincoln foi capaz de suportar por tudo isso e se tornar presidente dos Estados Unidos aos 51 anos. Eu poderia citar mais outras dezenas de exemplos de homens e mulheres que derem a volta por cima das suas “derrotas”.

Entretanto, tenho certeza de que você já tenha pegado a essência desse conceito. Tudo o que eu e você devemos fazer, é desenvolver uma mentalidade capaz de nos fazer levantar rapidamente a cada fracasso temporário que sofremos, ou seja, precisamos de um “mindset” vencedor.

Como iniciei com tudo isso…

Agora eu vou contar um pouco da minha própria jornada com a programação neurolinguística. Tudo começou no início de 1999, quando eu me tornei associado de uma empresa de distribuição de seguros e serviços financeiros, dentro do modelo de “network marketing”.

Naquela época eu participava de diversos treinamentos e palestras sobre finanças e desenvolvimento pessoal que a empresa oferecia aos associados. Inclusive, naquele mesmo período eu já tinha iniciado o meu negócio próprio, mas ainda queria algo a mais para a minha vida.

Ao mesmo tempo, eu tinha um conjunto de crenças limitantes que me impediam de realizar ações mais ousadas, não só no meu negócio, mas também em outras áreas da minha vida pessoal. Afinal, eu não vim de uma família rica, entretanto, meus pais sempre foram pessoas batalhadoras.

Eu via pessoas bem-sucedidas e confiantes, com um estilo de vida bastante diferente do que o meu. Logo, despertou o desejo em mim de ter a mesma mentalidade que aquelas pessoas tinham. Mas eu não sabia exatamente como mudar.

Certo vez, participando de um treinamento de alto impacto em São Paulo com técnicas de PNL, minha ficha simplesmente caiu. Esse treinamento fez com que eu enxergasse que o fator determinante do sucesso em alcançar metas e objetivos, não está na sorte ou no azar, e sim no estado emocional que nos conectamos para atingir esses resultados.

Descobri também que podemos acessar nossos maiores recursos, mudando a maneira que usamos o nosso corpo e a nossa mente, e a maneira como comunicamos com nós mesmos e com o mundo a nossa volta.

Antes desse processo, eu pensava e dizia coisas pra mim mesmo que me travavam, pois minhas crenças limitantes e autossabotadoras não permitiam pensar de forma mais produtiva.

As técnicas que aprendi no treinamento foram fantásticas. Fiquei tão fascinado com a neurolinguística que decidi participar de vários cursos de formação entre 2004, 2008 e 2010.

É realmente incrível quando temos acesso a informações que podem mudar nossa forma de pensar e agir. Minha vida nunca mais foi a mesma depois daquele treinamento.

Às vezes uma palavra ou uma ideia pode nos fazer enxergar determinados pontos cegos em nossa vida e transformá-la completamente, nos aproximando das nossas metas e objetivos. Pelo menos comigo foi assim que aconteceu.

Atualmente, tenho a oportunidade de compartilhar ideias e informações com milhares de pessoas. Posso afirmar com total segurança que tudo isso só foi possível, a partir do momento que tive contato com essa poderosa ferramenta de mudança pessoal, conhecida como programação neurolinguística.

A diferença que faz a toda a diferença

O objetivo deste artigo foi mostrar que é possível alcançar seus resultados mais desejados, utilizando os conceitos e ideias da PNL. Muitas pessoas se frustram quando tentam realizar seus sonhos, pois se deixam levar por pensamentos negativos e limitantes, que as impedem de usar o potencial máximo.

Como relatei nos parágrafos acima, tive o meu “choque de ânimo” que me fez despertar para novas oportunidades que antes eu não enxergava.

Só isso prova que a PNL pode realmente fazer uma grande diferença em sua vida, assim como fez na minha. Antes de finalizar este artigo, quero compartilhar um pensamento final:

Nossas dúvidas são traidoras, e nos fazem perder o bem que sempre poderíamos ganhar, por medo de tentar. –  William Shaskespare

E pra você que chegou até  final deste artigo, quero convidá-lo a se inscrever gratuitamente no CONAPNL, o maior congresso online de programação neurolinguística no Brasil. Só peço a você para se lembrar de mim quando alcançar suas metas e objetivos.